sexta-feira, 13 de novembro de 2015



Pergunta de Jean Corauci.

Bom dia Drª Cristiane, tudo bem?Todos sabemos que quando se perde um ente da família, por mais que se queira é um momento muito delicado da vida e nem sempre o estado emocional permite o raciocínio lógico de tudo que precisa ser pensado. Gostaria que a senhora falasse um pouquinho sobre os documentos que precisam ser levado ao escritório de advocacia para se dar entrada no processo de inventário de uma pessoa. O que a senhora tem a dizer sobre isso?

0 comentários :

Postar um comentário